Oposições

[…] Seus usuários entre tapas e beijos, gozadas e broxadas constroem os espaços de conversa, de troca;

CASA DA PALAVRA. Casa da palavra — casa da conversa. In: Tesão: prazer & anarkia. São Paulo, Grande ABCD e Campinas — SP, Rio de Janeiro e Visconde de Mauá — RJ, Belo Horizonte — MG, Curitiba — PR e Porto Alegre — RS. n. 4. dez. 2007.

4 Comments

  1. Posted terça-feira, 29/janeiro/2008 at 2:18 pm | Permalink

    Eu fui na Casa da Palavra quando estive em Santo André, assisti um pedaço de uma aula sobre literatura e um vídeo sobre o Piva, é realmente um tesão o lugar. Vi também umas meninas se estapeando de forma linda e sensual, coisa bonita de se ver.

  2. malebria
    Posted terça-feira, 29/janeiro/2008 at 2:31 pm | Permalink

    Se estapeando? Era uma briga?

  3. Posted terça-feira, 29/janeiro/2008 at 3:57 pm | Permalink

    era mais um teatro…ou um jogo…elas se olhavam fundo nos olhos, com a face neutra e tentando dar tapas uma na outra…foi lindo…durou vários minutos e todo mundo em volta olhando e achando lindo.

  4. malebria
    Posted terça-feira, 29/janeiro/2008 at 4:14 pm | Permalink

    Nossa, pela sua descrição deve ter sido lindo…


Comente

%d blogueiros gostam disto: