Monthly Archives: janeiro 2008

Oposições

[…] Seus usuários entre tapas e beijos, gozadas e broxadas constroem os espaços de conversa, de troca; CASA DA PALAVRA. Casa da palavra — casa da conversa. In: Tesão: prazer & anarkia. São Paulo, Grande ABCD e Campinas — SP, Rio de Janeiro e Visconde de Mauá — RJ, Belo Horizonte — MG, Curitiba — […]

Dívidas

[…] a economia da confiança é a economia da abundância; e a abundância é a abundância de dívidas: todos podem viver permanentemente em dívida. A instauração da idéia de que as dívidas algum dia podem e devem ser pagas––neste dia não vou dever mais nada a ninguém e ninguém vai me dever mais nada––parece ser […]

Instalando o Dicionário Houaiss no Ubuntu Gutsy Gibbon

Para instalar o Houaiss no Ubuntu Gutsy Gibbon, o primeiro passo é instalar o Wine, que está no Universe. Em seguida, ao se tentar executar diretamente o Wine no arquivo Instalar.exe do CD, $ wine /media/cdrom0/Instalar.exe aparece o seguinte erro: Este programa deve ser instalado a partir do CD-ROM original. Para que isso não aconteça, […]

O reflexo dos pais

[…] Quando nossos filhos têm por volta de dois anos e falo na condição de pai de cinco filhos — verificamos que começam a refletir de volta todas as nossas pequenas mesquinharias e maldades secretas; aquelas que procuramos esconder deles, dos outros e de nós mesmos. Eles se tornam o espelho secreto daquilo que somos. […]

A beleza da simplicidade

[…] Boca bonita da filha do caseiro, Polpa de fruta de um coração por comer… […] ÁLVARO DE CAMPOS. Trapo. In: Poesia. Fonte: Ana da Soma.

O seu amor

O seu amor Ame-o e deixe-o Livre para amar Livre para amar Livre para amar O seu amor Ame-o e deixe-o Ir aonde quiser Ir aonde quiser Ir aonde quiser O seu amor Ame-o e deixe-o brincar Ame-o e deixe-o correr Ame-o e deixe-o cansar Ame-o e deixe-o dormir em paz O seu amor Ame-o […]

Uma mancha vermelha no peito

Joana Francesa

Tu ris, tu mens trop Tu pleures, tu meurs trop Tu as le tropique Dans le sang et sur la peau Geme de loucura e de torpor Já é madrugada Acorda, acorda, acorda, acorda, acorda Mata-me de rir Fala-me de amor Songes et mensonges Sei de longe e sei de cor Geme de prazer e […]

A verdade

O humor é a forma mais perfeita de dizer a verdade. Avelar Love, do João Penca e seus miquinhos amestrados.

Verdade e mentira na música popular

O nosso amor é tão bonito Ela finge que me ama E eu finjo que acredito O nosso falso amor é tão sincero Isto me faz bem feliz Ela faz tudo que eu quero Eu faço tudo que ela diz Aqueles que se amam de verdade Invejam a nossa felicidade (Pôr isso e que eu […]